New here? Register. ×
×

Marinha investiga mancha de óleo nas praias de Icaraí, Flechas e Boa Viagem

Escrito por Luiz Antonio Mello às 08:21 do dia 30 de janeiro de 2021
Sobre: Orla poluída
  • óleo derramado na orla de Niterói
30jan

óleo derramado na orla de NiteróiO fedor podia ser sentido na Rua Moreira Cesar, no fim de tarde da última quarta-feira. Uma mancha de óleo atingiu as praias de Icaraí, Flechas e Boa Viagem e, ainda na manhã de quinta, podia ser vista no litoral (foto). O cheiro insuportável provocou indignação geral.

A Marinha do Brasil, através da Capitania dos Portos, abriu investigação para apurar quem foram os responsáveis. Cidadãos ligaram para o Disque Denúncia da Capitania dos Portos, que funciona 24 horas, inclusive fins de semana e feriados. Os telefones são (21) 2104-5480, (21) 98218-6968 (oficial de serviço) ou pelo WhatasApp (21) 97299-8300. Recomenda-se que os cidadãos gravem esses números em seus celulares.

Segundo testemunhas, uma embarcação teria derramado o óleo quarta-feira, por volta das 10 e meia da manhã. Os banhistas denunciaram as autoridades, mas não se sabe o que foi feito.

Há anos não temos um mês de janeiro tão seco, por isso muitos cidadãos têm tentado se refrescar nos finais de tarde nas praias “banhadas” pela Baía de Guanabara. Quarta e quinta-feira não puderam entrar no mar por causa do óleo. Para agravar a situação havia as sucessivas ondas de lixo (que andaram dando uma trégua, voltaram com força). Plástico, muitos ratos mortos, o que o mar traz é de uma nojeira indescritível. A Clin mantém equipes de garis na areia, mas eles limpam e minutos depois o mar traz nova leva de detritos.

O engenheiro Carlos Aurélio Coimbra desabafou:

–  Minhas crianças de 5 e 7 anos estão em férias. Para evitar que elas sofram de calor e estresse em casa, trago-as para a Praia de Icaraí, onde elas não podem entrar na água por causa do esgoto no mar traz. Agora tem esse óleo.

Carlos Aurélio também se preocupa com a falta de informações sobre o constante mau cheiro da areia de Icaraí e das Flechas. Já ouviu de médicos a recomendação de que não deixe seus filhos terem muito contato.

– Ninguém sabe que tipos de microorganismos estão na areia da praia,  porque as autoridades não fazem a análise periódica. Em defesa da saúde dos cidadãos a prefeitura deveria solicitar ao Inea (Instituto Estadual do Ambiente) que fizesse essas análises.

Segundo o site “Praia Hoje” da prefeitura (https://bit.ly/3aa5J0d), na sexta-feira (29/01), a última verificação do Inea sobre a qualidade da água das praias, feita no dia 7 de janeiro, revelava que Icaraí estava própria para banho. De lá para cá não se tem mais notícias sobre a balneabilidade da orla.

A bem da verdade, o meio ambiente é tratado como estrume do cavalo do bandido.

Sharing is caring

Luiz Antonio Mello
Luiz Antonio Mello
Jornalista, radialista e escritor, fundador da rádio Fluminense FM (A Maldita). Trabalhou na Rádio e no Jornal do Brasil, no Pasquim, Movimento, Estadão e O Fluminense, além das rádios Manchete e Band News. É consultor e produtor da Rádio Cult FM. Profissional eclético e autor de vários livros sobre a história do rádio e do rock and roll.
|

One thought on “Marinha investiga mancha de óleo nas praias de Icaraí, Flechas e Boa Viagem

Comments are closed.