New here? Register. ×
×

Adeus a Chini, o médico de família

Escrito por Gilson Monteiro às 23:20 do dia 20 de dezembro de 2018
Sobre: Precursor
20dez

O verdadeiro médico de família, que está se extinguindo aos poucos em nosso país, o catedrático de Clínica Médica da Universidade Federal Fluminense, Geraldo Chini, faleceu nesta quinta-feira  (20/12), aos 90 anos, em sua casa em São Francisco, Niterói. Ele formou uma geração de médicos, espalhados por todo o Brasil e no exterior, com seus ensinamentos técnicos e teóricos.

O mestre é de uma época em que o doutor, depois de apalpar o paciente dos pés à cabeça, antecipava o diagnóstico, pedia os exames complementares então existentes  — hemograma e Raios X — e num acerto impressionante confirmava a doença prevista.

Precursor da alimentação parenteral, era convidado para explicar o seu método aos colegas de todo o Brasil.

Membro titular da Academia Fluminense de Medicina, Chini era respeitado como médico, professor, amigo e acima de tudo, por sua dedicação à profissão que abraçou e aos doentes que lhe entregavam as vidas.

Deixou a viúva Sulanie,  quatro filhos (dois seguiram a profissão do pai, Luiz e Eduardo; Alexandre , juiz de Direito, atualmente no Conselho Nacional de Justiça; e o advogado Ernesto.

O corpo vai ser velado no cemitério  Parque da Colina, em Niterói, a partir das 8h de sexta-feira  (21/12) e o sepultamento será às 13h.

 

Sharing is caring

Gilson Monteiro
Gilson Monteiro
Iniciou em A Tribuna, dirigiu a sucursal dos Diários Associados no Estado do Rio, atuou no jornal e na rádio Fluminense; e durante 22 anos assinou uma coluna no Globo Niterói. Segue seu trabalho agora na Coluna Niterói de Verdade, contando com a colaboração de um grupo de profissionais de imprensa que amam e defendem a cidade em que vivem.
|

15 thoughts on “Adeus a Chini, o médico de família

  1. Meus sentimentos aos familiares e amigos do grande médico Dr Chine.
    Ao longo de décadas só tenho muito que agradecer .
    Descanse em Paz !

  2. Tive uma filha que foi atendida por ele e sua Equipe no HUAP, com 7 anos e diagnosticada com LUPUS, ele sua Equipe foram incansáveis! Infelizmente com 10 anos ela faleceu no Hospital Santa Cruz aos cuidados do Dr.Manoel de Almeida,também excelente médico!Fazem 40 anos! Meus sentimentos a família com gratidăo.

  3. Um grande médico. Muito querido. Foi médico dos meus pais. Sempre pronto a qualquer hora para atende_los. Descanse em paz. A família meus sentimentos. Nunca será esquecido.

  4. É muito triste vermos o fim de uma geração de grandes médicos . Nossa cidade sempre foi uma referência de professores doutores em todas as especialidades . Nos áureos tempos do HUAP era um verdadeiro celeiro de craques da medicina , vide os falecidos Manoel Almeida , Edgar Porto , Abunahman , Othon Vieira , Geraldo Chini e tanto e tantos outros grandes médicos e professores ,cujo saber e amor pela profissão , sempre foram médicos dos pacientes .

    Como bem descreveu o jornalista Gilson Monteiro , durante a consulta , depois de um apurado exame que iá do fundos dos olhos aos dedos dos pés , saíamos do consultório com o diagnóstico e o receituário , os exames posteriores só serviam para confirma o diagnóstico !!! SAUDADES DESSES MESTRES !!!

  5. Tive o prazer de conhecê-lo, pois fui professora de dois dos seus filhos e el foi professor de medicina da minha filha na UFF. Um médico exemplar, uma pessoa maravilhosa. Meus sentimentos à família enlutada e um descanso eterno para ele!

  6. Realmente ele não precisava de exames, só em examinar o paciente ele já dava o diagnóstico. Como ele, vai ser difícil.
    Saudades.

  7. Mais que um chefe, um pai. Sentirei muitas saudades. como foi bom trabalhar com ele, foram 20 anos de muito aprendizado.

  8. Um grande homem. Competente médico. Membro de uma geração preciosa. Deixou muitos ensinamentos e carinho!

  9. Esse legado não se perde. Tamanha postura e conhecimento já empregaram gerações de médicos. Já está replicado.

  10. Em 1976, trabalhei no Faturamento do Hospital Santaz Cruz. Que pessoa Boa, sempre com uma palavra de Carinho ,Respeitador e muito Educado. Descanse em Paz Dr. Chini. Peço aoSenhor Deus que conforte o Coração de toda sua Família.

    Idalina

  11. Uma tristeza muito grande os Clínicos nos deixam e
    entram o Google ( muita utilidade ) mas a Clínica Médica
    como era executada não existe mais

Comments are closed.

Menu