New here? Register. ×
×

Manobras para eleger Rodrigo Neves prefeito vão custar caro a Niterói

Escrito por Gilson Monteiro às 15:17 do dia 11 de junho de 2024
Sobre: Haja tinta
  • Isabel Swan, Niterói
11jun
Rodrigo e Isabel Swan entre os deputados Victor Junior, Rodrigo Bacelar, o atual vice de Niterói, Bagueira, e o presidente do PV, Rodrigo Rocco / Divulgação

Vão custar caro a Niterói as manobras políticas de Rodrigo Neves para se eleger prefeito. Ele resolveu antecipar a escolha da sua vice pelas pressões que começou a receber e também por medo da reação de Axel Grael, que como chefe do Executivo tem a caneta cheia de tinta até o dia 31 de dezembro.

Diante de mais de meia dúzia de nomes interessados em compor a chapa com ele nas eleições de outubro, Rodrigo escolheu Isabel Swan. Assim, agradou duplamente o prefeito Grael ao indicar a velejadora como este sugerira, e também ao atender ao veto demonstrado à candidatura à reeleição do atual vice-prefeito Paulo Bagueira.

Como não existe almoço grátis na política, os experts em eleições acham que não ficou barato o União Brasil aceitar pacificamente a quebra do acordo firmado com o PDT, pelo apoio à candidatura de Rodrigo Neves. A condição inicial era a de Paulo Bagueira ser o vice da chapa.

Mas de repente, conhecidas raposas da política se reúnem num restaurante de luxo no Rio para desfazer o combinado anteriormente durante um solene e midiático encontro em Niterói.

No meio do regabofe carioca o presidente da Alerj, Rodrigo Bacelar (União Brasil), e o presidente do PV, Roberto Rocco, anunciaram Isabel Swan (PV) como a vice de Rodrigo. Isto aconteceu com Paulo Bagueira assistindo ao golpe contra a sua pré-candidatura, apesar de sua fidelidade quando assumiu a prefeitura de Niterói na época em que Rodrigo esteve preso em Bangu.

Tudo isso é preocupante porque não é segredo para ninguém que, desde quando Axel Grael assumiu a prefeitura, quem sempre deu as cartas na mesa foi Rodrigo Neves.

Nos dois primeiros anos da gestão Grael, a máquina administrativa e financeira do município ficou a serviço da candidatura do ex-prefeito ao governo do Estado do Rio de Janeiro. Nos dois últimos anos, Rodrigo assumiu a secretaria executiva da Prefeitura com força total.

Agora, deixou o cargo de secretário para cumprir o período de desincompatibilização eleitoral, mas com a desistência de Axel Grael postular sua própria reeleição, Rodrigo continua com as rédeas nas mãos. A máquina administrativa e financeira, assim sendo, vai novamente servir a sua candidatura, só que agora municipal.

Niterói tem atualmente 66 secretarias e órgãos, com mais de 10 mil comissionados nomeados, sendo que mais da metade desempenha funções de cabos eleitorais. Imagine-se o que esse grupo que está há 12 anos no poder será capaz de fazer até as eleições de outubro para continuar comandando uma arrecadação de mais de R$ 6 bilhões…

É bom lembrar os escândalos da Emusa, com mais de 1.200 funcionários, a grande maioria fantasmas, muitos deles morando no interior do estado. E mais as obras superfaturadas denunciadas pelo Ministério Público e pelo Tribunal de Contas, sem falar no interminável imbróglio da restauração milionária do Cinema Icaraí, que não sai nunca.

Sharing is caring

Gilson Monteiro
Iniciou em A Tribuna, dirigiu a sucursal dos Diários Associados no Estado do Rio, atuou no jornal e na rádio Fluminense; e durante 22 anos assinou uma coluna no Globo Niterói. Segue seu trabalho agora na Coluna Niterói de Verdade, contando com a colaboração de um grupo de profissionais de imprensa que amam e defendem a cidade em que vivem.
|

6 thoughts on “Manobras para eleger Rodrigo Neves prefeito vão custar caro a Niterói

  1. Tá todo mundo feliz !!! Na politica, ninguém saí perdendo, Axel e Bagueira já tem seus espaços garantidos, com apoio da maquina publica da prefeitura,. 2026 um será Deputado Estadual e o outro Deputado Federal !!!

  2. Cidade sem futuro. Daqui pra frente é só pra trás. Vamos ficar felizes porque hoje estamos melhor do que amanhã. Sai o SatanAxel e entra a Legião.

  3. Rodrigo Bacellar é o famoso político camaleão. Domingo estava dando as mãos com Rodrigo Neves, na segunda feira estava em Brasília recebendo a medalha “imbroxavel” das mãos de Jair Bolsonaro. Muda de cor dependendo do habitat, rsrsrs

  4. Meu caro Gilson, este acordo já tinha sido costurado lá atrás quando forçaram o Axel Grael a abrir mão da reeleição e como prêmio de consolação deixar ele indicar a Vice.
    Simples assim.

  5. Quem deve estar adorando esta puxada de tapete em Bagueira é o Vereador Gallo, que recentemente divulgou uma gravação sentando a porrada em Bagueira, kkkkkkkk

    1. Bagueira e Gallo são farinhas do mesmo saco! Hoje se estapeiam e amanhã estarão brindando a conquista de uma sinecura!! Ambos são múmias da Câmara Municipal, com mais de 30 anos de mandato, porque o povo de Niterói NUNCA soube votar!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *