New here? Register. ×
×

Juiz Edgar Massa, 77 anos, uma grande perda para o mundo jurídico

Escrito por Gilson Monteiro às 04:51 do dia 29 de julho de 2021
Sobre: Obituário
  • Edgar Massa
29jul

Edgar MassaSeu gabinete estava sempre com as portas abertas para receber bem os advogados e as partes. Assim era o juiz Edgar Machado Massa, que faleceu ontem aos 77 anos no Hospital Sírio Libanês, onde se tratava de um câncer. O corpo foi cremado com a presença da família em São Paulo.

Durante 14 anos atuou como defensor público. Em 1984 passou no concurso e foi nomeado juiz de Direito. Exerceu a magistratura em várias comarcas do interior fluminense, no Rio e em Niterói, onde se destacou e passou maior parte do tempo.

Suas primeiras decisões e sentenças foram dadas em Cantagalo, passando depois pelos fóruns de Carmo, Sumidouro, Trajano de Moraes, Conceicao de Macabu, Santa Maria Madalena, São Sebastião do Alto, Maricá e na capital.

Foi titular da Primeira Vara Civel e pioneiro do 2º Juizado Especial Cível de Niterói e de Pendotiba, além de juiz eleitoral em diversos pleitos.

Nascido em Cabo Frio, veio morar com 15 anos na ex-capital fluminense, onde cursou o científico no Salesianos e concluiu a Faculdade de Direito da UFF em 1968. Militou na advocacia por vários anos, foi professor da Escola de Administração da Justiça – ESAJ – TJ-RJ, Escola Superior de Advocacia e da Universo.

Era casado com Izolina Maria, deixou os filhos Eduardo e Juliana (que seguiram a carreira do paí na advocacia) e a sua xodó, a neta Yasmin. A cremação foi no Funeral Morumbi, em São Paulo, com a presença da família.

Sharing is caring

Gilson Monteiro
Gilson Monteiro
Iniciou em A Tribuna, dirigiu a sucursal dos Diários Associados no Estado do Rio, atuou no jornal e na rádio Fluminense; e durante 22 anos assinou uma coluna no Globo Niterói. Segue seu trabalho agora na Coluna Niterói de Verdade, contando com a colaboração de um grupo de profissionais de imprensa que amam e defendem a cidade em que vivem.
|

4 thoughts on “Juiz Edgar Massa, 77 anos, uma grande perda para o mundo jurídico

  1. Com muita tristeza, soube do falecimento do nosso querido amigo, Edgard Machado Massa, companheiro de mocidade e bancos universitários. Um ser humano ímpar na alegria, no carinho e atenção com os amigos, além de um profissional brilhante que enalteceu a Magistratura com seu caráter ilibado, dignidade, elevado conhecimento jurídico, humanitário e carismático. Tive a oportunidade de conviver com ele no Tribunal de Justiça. Formou, com Isolina Massa uma linda família, muito querida por todos que tem o privilégio de ter tido sua amizade. Deixou preciosos exemplos. Edgard, foi um homem de FÉ!
    Descanse em paz na Glória de Deus.

  2. Edgar foi meu aluno, muito querido .Era colega de turma de meu irmão Odilon .Que Deus o receba em seu aconchego.

    1. Quando quem deu exemplo de limpeza e moralidade na caótica e repugnante imoralidade e amoralidade em que vivem as instituições públicas, temos que fazer soar as trombetas do lamento e rogar que os bons exemplos possam ser renovados. Que esteja na paz eterna onde não há mais sofrimento, doença e morte.

Comments are closed.