New here? Register. ×
×

Hora certa do coronavírus asfixia o caixa de lojas e quiosques em Niterói

Escrito por Gilson Monteiro às 18:50 do dia 7 de setembro de 2020
Sobre: Pode e não pode
  • quiosque charitas
07set

quiosque charitasOs quiosques vão reabrir depois de seis meses, nesta terça-feira (08/09), em Niterói. Mas não poderão funcionar das 12h30m às 16h. Neste horário os experts em pandemia da prefeitura acreditam que o coronavírus ataca na praia. Já nas lojas, segundo decreto do prefeito Rodrigo Neves, o perigo ronda funcionários e fregueses até o meio-dia. À tarde, as lojas teriam anticorpos e,  por isso, podem abrir até as 20h.

Em nota enviada à Coluna, o Sindilojas Niterói “lamenta a sucessão de equívocos que a prefeitura vem cometendo no combate à pandemia do novo coronavírus”.

Reclamam os lojistas que o prefeito tem ignorado sugestões, debates ou questionamentos. “O Executivo municipal tem agido de forma arbitrária e ilógica, prejudicando milhares de comerciantes e seus colaboradores em toda a cidade”.

Os quiosques somente poderão funcionar das 6h às 12h30m e das 16h às 22h. As mesas poderão ser usadas com restrições de ocupação, mas as vendas no balcão e o atendimento na areia estão proibidos.

As lojas, por sua vez, somente podem permanecer abertas das 12h às 20h. O comércio lojista perde o movimento de vendas da parte da manhã, “sem explicação alguma para tanto”, questiona o Sindilojas.

Comerciantes dizem que o tiro contra o coronavirus acaba saindo pela culatra. Ao terem as vendas restritas, “há tendência de aglomeração humana à tarde, seja nas calçadas, nos estabelecimentos comerciais ou mesmo nos transportes coletivos”.

Leia também:

Sharing is caring

Gilson Monteiro
Gilson Monteiro
Iniciou em A Tribuna, dirigiu a sucursal dos Diários Associados no Estado do Rio, atuou no jornal e na rádio Fluminense; e durante 22 anos assinou uma coluna no Globo Niterói. Segue seu trabalho agora na Coluna Niterói de Verdade, contando com a colaboração de um grupo de profissionais de imprensa que amam e defendem a cidade em que vivem.
|

8 thoughts on “Hora certa do coronavírus asfixia o caixa de lojas e quiosques em Niterói

  1. O perfeito exerce seu vies autoritario cumprindo a agenda progressista em sua engenharia social, fazendo a população obedecer sem questionamentos os seus ditames ssm nenhuma justificativa plausivel. Nāo preza nem pela saúde nem bem estar da população. Merece ter a resposta a essas arbitrariedades nas urnas! Se liguem nisso Niteroienses!

  2. Essa atitude do nosso prefeitinho, deve ser com “base científica”, + uma vez comprovando qto tem de autoritarismo e comunismo nas suas atitudes, ainda não está satisfeito com a quantidade de lojas fechadas e pessoas desempregadas!!
    Enquanto isso os assaltos continuam, cadê td o pessoal contrato pra nos proibir de ir e vir??

  3. E pior que nossos vereadores estão surdos, mudos e cegos, vamos lembrar deles nas eleições e devemos fazer uma campanha para não reelergermos nenhum deles é muito menos qualquer candidato que este TONTO desse prefeito venha indicar.

  4. Que absurdo! O corona vírus tem hora certa para atacar? Cadê o povo para retaliar essa palhaçada? Isso não existe. Já não basta dezenas de empresas fecharem suas portas, chefes de família desempregados?

  5. Piada pronta ! Quebraram TODOS os profissionais de quiosques e barraqueiros da orla oceânica de Niterói ! As lanchonetes das praias, entupidas de pessoas sem mascaras e sem o menor cuidado com o próximo ! Incoerência, Vergonha e Incompetência do municipio !

  6. Caramba, que cheteação, você reclama de tido que a prefeitura faz, já é pessoal.
    Os horários são desencontrados nas várias atividades econômicas para evitar fluxo grande de pessoas nas ruas. Isso foi explicado pelo governador no início da pandemia.

Comments are closed.

Menu