New here? Register. ×
×

A rua do vale tudo em Niterói

Escrito por Gilberto Fontes às 10:41 do dia 7 de julho de 2017
Sobre: Desordem pública
07jul

A Eduardo Luiz Gomes, uma rua que juntamente com a Moacir Padilha liga o Centro à Zona Sul de Niterói, acumula todo o tipo de desordem urbana. Na rua do vale tudo flanelinhas fazem motoristas estacionar irregularmente nos dois lados da pista estreita, no trecho entre o Niterói Shopping e a rampa de acesso à Quinze de Novembro. Dali em diante, são moradores do Morro do Estado que param seus carros na rua que concentra o maior número de bares e biroscas da cidade. São quinze, ao todo, em um espaço de trezentos metros de extensão.

Qualidade de vida somente no discurso de políticos fanfarrões que ali colhem votos para se eleger e logo cedo se esquecem do povo sofrido da favela, que se vira como pode, largado à própria sorte pelo poder público.

Quando ainda eram poucos os carros de moradores do Morro do Estado, uma secretária municipal chegou a anunciar um projeto para construção de uma garagem para atender à comunidade. Hoje, com tantos carros estacionados na Eduardo Luiz Gomes, mais o movimento frequente de caminhões que entregam bebidas para as biroscas, o trânsito só consegue funcionar de manhã ao início da noite em esquema informal de ‘pare e siga’, já que em vários pontos sobra espaço apenas para um carro subir ou descer a rua.

Durante as manhãs, mais de uma dezena de táxis fica estacionada entre a esquina da Rua Araújo Pimenta e a Fagundes Varela, afunilando também a Rua Moacir Padilha no acesso a Icaraí e ao Ingá.

O passeio público é tomado por mesas e até balcões de alvenaria em frente a algumas das 15 biroscas. Dois “lava-jatos” ajudam a tumultuar o trânsito e, mais recentemente, o morador de uma casa em frente a Quinze de Novembro levantou pilotis e ocupou a calçada fazendo um puxadinho para servir de garagem a seu Fusca. Pedestres obrigados a andar pelo asfalto se arriscam em meio ao trânsito.

Tão zelosa em fazer cumprir o Código de Trânsito Brasileiro, rebocando carros estacionados em local proibido, a microempresa individual Zaplog Serviços e Transportes em Geral, ao que tudo indica, não ousa prestar seus serviços à prefeitura na Rua Eduardo Luiz Gomes.

Fiscais de obras e de posturas são outros que não dão as caras na rua do vale tudo. A Secretaria de Ordem Pública também não aparece com seus guardas municipais, nem a Secretaria de Fazenda fiscaliza a proliferação do comércio informal.

De dois em dois anos, porém, durante as campanhas eleitorais não faltam cartazes de candidatos a prefeito, vereador, deputado, governador e até presidente da República. Nessas horas sobram promessas políticas nunca cumpridas.

 

Sharing is caring

Gilberto Fontes
Gilberto Fontes
Repórter do cotidiano iniciou na Tribuna da Imprensa, depois atuou nos jornais O Dia, O Fluminense (onde foi chefe de reportagem e editor), Jornal do Brasil e O Globo (como editor da Rio e dos Jornais de Bairro). É autor do livro “50 anos de vida – Uma história de amor” (sobre a Pestalozzi), além de editar livros de outros autores da cidade.
|

4 thoughts on “A rua do vale tudo em Niterói

  1. Essa rua desde algum tempo, notadamente após o fechamento do hospital Santa Cruz, tem tudo para se tornar mais uma “rua do perdeu”.
    A “zona” nela instalada por total falta de CORAGEM da municipalidade fez com deixasse de ser uma opção viária confiável pois onde tem comunidade tudo é permitido. Um choque de ordem pública PERMANENTE e VERDADEIRO se faz necessário mas as “autoridades” municipais fecham seus olhos e enquanto isso perdemos mais uma via que poderia nos auxiliar na locomoção diária na cidade.
    Quem achar que a vida da gente pode ainda melhorar é um sonhador.

  2. Parabéns pela reportagem! A muito tempo venho reparando o descaso da prefeitura com esta rua que é tão importante para ligar o centro para Icaraí. Não entendo o porque que a prefeitura através dos seus órgãos reguladores não fazem nada. Será que por medo de perder voto? Até quando vão empurrar a sujeira para de baixo do tapete?

  3. Aquela rua acabou! É uma aventura passar de carro ali. Em Icarai eles proibem estacionamento de carro em toda parte atrapalhando a vida de quem precisar estacionar ali, porque nao fazem o mesmo la?

  4. Já denunciei uma centena de vezes. Na última, enviaram um agente e um reboque… O que parece é que o flanelinha indicou quem deveria ser autuado e rebocado (certamente, algum desafeto).

    Há alguns anos, havia um movimento estranho atrás do Niterói Shopping. O que me parece é que tratava-se de um ponto de concentração de apostas do bicho.

    Até a escadaria que liga a Eduardo Luiz Gomes à Luiz Leopoldo Fernandes Pinheiro é usada como estacionamento. Segundo eu soube, muitos funcionários da prefeitura estacionam seus veículos nessa área.

Comments are closed.

Menu