New here? Register. ×
×

Missa marca os 50 anos do Caneco Gelado do Mário, em Niterói

Escrito por Gilson Monteiro às 17:05 do dia 22 de novembro de 2019
Sobre: Santa gastronomia
22nov
50 anos do Caneco Gelado do Mário

Mário assovia o hino de Nossa Senhora de Fátima, ao lado da esposa Sueli e do padre João Cláudio

Os 50 anos do Caneco Gelado do Mário lotaram neste feriado (22/11) a igreja de Nossa Senhora de Fátima. Uma comovente missa de ação de graças foi celebrada pelo padre João Cláudio, homenageando o criador do restaurante, Mário Martins Ribeiro Carvalho, 77 anos, o insuperável chef  da cozinha que pilota até hoje.

Na homilia, o sacerdote disse que grandes decisões foram tomadas nas mesas na cinquentenária casa, durante algum almoço ou jantar.

Padre João Cláudio lembrou que “muito antes dos programas e das faculdades de Gastronomia, seu Mário já fazia parte desse mundo da culinária com seu toque especial, para deleite de todos os que provam a sua saborosa comida”.

Caneco Gelado, “uma casa de oração”

O pároco da igreja do Bairro de Fátima prosseguiu dizendo que Mário “conseguiu fazer do Caneco Gelado uma casa de oração, pois através de nosso estômago, consegue trazer a alegria e a felicidade. Toda homenagem é pouca, pelo que representa. O senhor agrega, leva todo mundo à mesa, pratica um ato de amor. Que continue sendo essa referência para todos nós. O senhor nos conquistou, fez uma cidade se apaixonar pelo dom de seu talento. Sua generosidade é um dom de Deus”.

O religioso contou que, certa vez, precisava fazer um almoço beneficente. Quando chegou na cozinha da igreja, encontrou Mário com seu inseparável avental branco, cortando o bacalhau, preparando tudo, que brotava da sua alma caridosa.

No final da missa, Mário subiu ao altar para, assoviando e tocando gaita, tocar a música “13 de maio, hino de Fátima”, acompanhado por todos os presentes à cerimônia religiosa.

Leia também:

Sharing is caring

Gilson Monteiro
Gilson Monteiro
Iniciou em A Tribuna, dirigiu a sucursal dos Diários Associados no Estado do Rio, atuou no jornal e na rádio Fluminense; e durante 22 anos assinou uma coluna no Globo Niterói. Segue seu trabalho agora na Coluna Niterói de Verdade, contando com a colaboração de um grupo de profissionais de imprensa que amam e defendem a cidade em que vivem.
|

One thought on “Missa marca os 50 anos do Caneco Gelado do Mário, em Niterói

  1. Sensacional! O Mário e seu maravilhoso restaurante fazem parte da história de Niterói! Parabéns Mario!

Comments are closed.

Menu