New here? Register. ×
×

Lojas reabertas em Niterói recebem poucos compradores

Escrito por Gilson Monteiro às 17:27 do dia 3 de julho de 2020
Sobre: Balcões vazios
  • Lojas reabrem em Niterói
03jul

Lojas reabrem em NiteróiO comércio de rua e dos shoppings reabriu em Niterói, mas a freguesia ainda está sem aparecer nas lojas. A preocupação dos comerciantes é a de que os aluguéis vão voltar a ser cobrados sem o desconto conseguido para os primeiros três meses de pandemia.

Para Renato Sheeny Pinto, diretor do Sindilojas Niterói, “o poder público pode ajudar com campanhas mostrando que é seguro sair para fazer compras, uma vez que todas as precauções estejam sendo tomadas”.

O diretor do Sindilojas atribui a ausência de fregueses nas lojas neste primeiro momento de reabertura “a longa e brutal interrupção de hábitos à qual se somou a insegurança econômica e o temor de contágios.  Superar esse cenário será um processo gradual, doloroso até, porém necessário.  Será um passo de cada vez”.

— É muito melhor o comércio estar aberto, como agora, do que prosseguir com as portas fechadas – conclui Renato Sheeny Pinto.

Leia também:

Sharing is caring

Gilson Monteiro
Gilson Monteiro
Iniciou em A Tribuna, dirigiu a sucursal dos Diários Associados no Estado do Rio, atuou no jornal e na rádio Fluminense; e durante 22 anos assinou uma coluna no Globo Niterói. Segue seu trabalho agora na Coluna Niterói de Verdade, contando com a colaboração de um grupo de profissionais de imprensa que amam e defendem a cidade em que vivem.
|

2 thoughts on “Lojas reabertas em Niterói recebem poucos compradores

  1. As lojas estão abertas mas será que se pode experimentar roupas e sapatos ? Acho que essa é uma das razões da falta de público.

Comments are closed.

Menu