New here? Register. ×
×

Jaime Cavalcante, o mestre das marinas

Escrito por Gilson Monteiro às 08:23 do dia 17 de maio de 2019
Sobre: Exposição
17maio

Sinto saudade do tempo em que encontrava Jaime Cavalcante, com seus longos cabelos compridos e olhar compenetrado, sentado ou em pé diante de uma prancheta armada na areia de uma das praias ou na beira de um cais niteroiense, pintando o melhor ângulo que encontrava naquele começo de manhã ou final da tarde.

Agora, aos 81 anos, o respeitado artista de marinas tem seu ateliê no Ingá, onde pinta igrejas, casas antigas e novos outros temas que vão surgindo em sua vida.

Aprendeu com o pai, o consagrado J Carvalho. Tanto que não precisou frequentar nenhuma Escola de Belas Artes, se considerando autodidata.

Retratou a vida toda barcos, pescadores, praias, ilhas, estaleiros e outras cenas do mundo marítimo, nos mais variados ângulos, possíveis e imagináveis.

Alguns de seus quadros poderão ser vistos, dia 26 de maio, das 16h às 20h, durante coquetel que oferecerá em seu estúdio, na Rua Casemiro de Abreu 16, Ingá.

Sharing is caring

Gilson Monteiro
Gilson Monteiro
Iniciou em A Tribuna, dirigiu a sucursal dos Diários Associados no Estado do Rio, atuou no jornal e na rádio Fluminense; e durante 22 anos assinou uma coluna no Globo Niterói. Segue seu trabalho agora na Coluna Niterói de Verdade, contando com a colaboração de um grupo de profissionais de imprensa que amam e defendem a cidade em que vivem.
|

2 thoughts on “Jaime Cavalcante, o mestre das marinas

  1. Estarei aí , partindo de Vitória, pelo o prazer de re vivenciar o belo e os sentimentos de paz que o “Poeta do Mar” transmite em suas telas .
    Sim, claro , junto ao afeto que irradia a todos no seu habitat

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Menu