New here? Register. ×
×

Rotina de assaltos aterroriza Niterói

Escrito por Gilson Monteiro às 17:20 do dia 10 de abril de 2018
Sobre: Clima de medo
10abr

Mais um jovem foi vítima da bandidagem quando chegava em casa na noite de segunda-feira (09/04). Ele voltava da aula na Universidade La Salle e quando chegou ao portão da garagem de seu prédio na Rua João Pessoa, em Santa Rosa, foi rendido por três homens armados que levaram o carro – uma Susuki Grand Vitara, prata –, e a mochila com seus pertences (veja no vídeo).

Cerca de duas horas depois, quatro bandidos assaltaram 15 pessoas em Camboinhas. As vítimas eram frequentadoras e proprietários da Unity Telecom E-Sports, uma ‘gaming house’ onde treinavam para um campeonato de League of Legends, um jogo eletrônico multiplayer.

Um dos rapazes que estava nos fundos da casa percebeu o assalto e chamou a polícia, mas na fuga os ladrões fizeram uma jovem refém. Houve tiroteio, o carro com os bandidos teve os pneus furados e bateu contra uma árvore. A refém escapou ilesa, três criminosos foram presos e um fugiu. Mas parte dos jogadores que vieram do Rio e de outras cidades disse que não pretende voltar a Niterói.

São tantos assaltos que os moradores de Niterói já perderam a esperança de dias melhores para a segurança da cidade. O mais grave é que os governantes estão sempre anunciando novos carros, mais policiais, programas como o Niterói Presente, mas o que se vê mesmo são os roubos a residências, como ocorrido em Camboinhas; na entrada de prédios, como na noite de ontem na Rua João Pessoa; em bares, restaurantes e lanchonetes, nas ruas, enfim há insegurança por toda a parte.

O governo federal anunciou a liberação de R$ 1,2 bilhão para custear a intervenção na segurança pública do Estado do Rio. O governo estadual, sem força em meio a tantas denúncias de corrupção, já acabou e o municipal se mostra incompetente para exigir mais segurança para Niterói.

Sharing is caring

Gilson Monteiro
Gilson Monteiro
Iniciou em A Tribuna, dirigiu a sucursal dos Diários Associados no Estado do Rio, atuou no jornal e na rádio Fluminense; e durante 22 anos assinou uma coluna no Globo Niterói. Segue seu trabalho agora na Coluna Niterói de Verdade, contando com a colaboração de um grupo de profissionais de imprensa que amam e defendem a cidade em que vivem.
|

11 thoughts on “Rotina de assaltos aterroriza Niterói

  1. Toque de recolher após as 10pm. Na ausência do Estado, a barbarie se instala. Só gostaria se saber para onde vão os impostos ou parte dos impostos que não são desviados para os bolsos dos corruptos?
    As coisas só pioram. Salve-se quem puder!

  2. A intervenção não chegou em Niterói. Todas as ações e estratégias estão montadas para a segurança da Zona Sul da cidade do Rio. A sensação é que até os policiais do 12o foram deslocados para compor o policiamento de lá. Estamos à mercê da bandidagem. O Prefeito e vereadores de Niterói deveriam fazer pressão para que o Comandante que esta ordenando as ações demonstre quais as estratégias montadas para o lado de cá da Baía. Niterói vive um toque de recolher.

  3. Verdadeiramente é insuportável essa situação. A bandidagem está esfregando na cara das autoridades suas caras/identidades, suas atitudes, seus malfeitos diariamente têm vítimas em todas as direções. Eles roubam um carro, assaltam, roubam outro, trocam de carro e fazem a polícia de boba, por que nunca sabe qual carro perseguir. São assaltos consecutivos pelo bairro de Icaraí nos pontos de ônibus e bares. Vários
    na mesma noite e com a mesma característica: eles vêm passando devagar, param, dois três saltam do carro armados e levam tudo das vítimas, retornam ao carro e partem para o próximo assalto. O que a gente vê aqui na Geraldo Martins é absurdo, dois assaltos no mínimo por semana nos mesmos lugares. Alô autoridades!!! Vcs estão esperando ser a próxima vítima pra fazerem alguma coisa?

    1. Porque que os comerciantes e moradores não contratam segurança com carro por 24 horas? Nós fizemos isso na rua do condomínio e deu certo!! Pararam os assaltos! O bandido não pode encontrar facilidade! Eu também pago impostos! Mais mão quero ser a próxima vítima!

    2. Vamos dar ideia para a bandidagem mudar o foco, dos pedestres para os políticos. Que tal? Eles têm muito mais o que oferecer de bens e o lucro é infinitamente maior. O custo x benefício é melhor.
      Pensem bem nesta oferta, bandidos!!!!

  4. Parabéns pela excelente, marcante é verdadeira matéria, parabéns aos policiais que foram altamente profissionais nessa ação de recuperação do veículo é do resgate da vítima. Pertenço ao grande número de pagadores de impostos, moradores, país de família e trabalhadores que estão deixando Niterói por não aguentar mais ver tantos assaltos em seu entorno é não querer ser ou ver sua família ser a próxima vítima. O bairro do pé pequeno em Niterói já foi um excelente bairro da zona sul da cidade, a rua Itaguaí virou a mais nova rua do perdeu, sem a polícia passando por lá, fica muito fácil pra ação dos marginais a qualquer hora do dia, noite ou mesmo na madrugada quando estão invadindo as casas e condomínios com muros menores pra furtar bicicletas e outros bens de maior ou menor valor. Iremos alugar ou até vender o imóvel conquistado com muita luta e determinação, já pedimos transferência pra uma cidade menor e quem sabe por lá, tenhamos um pouco de paz pra criar nosso filho e dar-lhe um futuro e um presente melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Menu