New here? Register. ×
×

Lixo jogado na rua empesteia o Ingá

Escrito por Gilson Monteiro às 12:22 do dia 26 de dezembro de 2017
Sobre: Sujeira
26dez

A Rua Nilo Peçanha é transformada todos os dias em depósito de lixo do mercado Joia, que fica na esquina com Rua Tiradentes, no Ingá. Leitora da coluna diz que ao lado de baratas e ratos até gambás circulam em meio aos detritos. “Além desse retrato de falta de respeito e higiene, trata-se de um desrespeito com a área pública, pois o mercado domina parte do espaço público ora com caixas de madeira durante o dia, ora com seu lixo”, reclama a leitora.

Sharing is caring

Gilson Monteiro
Gilson Monteiro
Iniciou em A Tribuna, dirigiu a sucursal dos Diários Associados no Estado do Rio, atuou no jornal e na rádio Fluminense; e durante 22 anos assinou uma coluna no Globo Niterói. Segue seu trabalho agora na Coluna Niterói de Verdade, contando com a colaboração de um grupo de profissionais de imprensa que amam e defendem a cidade em que vivem.
|

One thought on “Lixo jogado na rua empesteia o Ingá

  1. Se observarmos bem, veremos que a maioria dos domicílios faz a mesma coisa. Quem mora em casa, coloca nas calçadas os sacos de lixo (e utensílios velhos que não servem mais, inclusive móveis), esperando que alguém venha recolher. Quem mora em prédios costuma fazer a mesma coisa, só que joga seu lixo doméstico pelas colunas de lixo, os funcionários da limpeza juntam tudo dentro dos sacos pretos e as calçadas em frente aos (lindos?) prédios vira uma montanha de lixo todos os dias. Tal prática está longe de ser exclusiva dos estabelecimentos comerciais.Todos fazemos isso, há anos, absolutamente alheios ao prejuízo que isso causa à coletividade. Mas na hora de reclamar dos outros, aí sim, somos muito eficientes!

Comments are closed.

Menu